Conheça José Bonifácio, o patriarca da Independência

Com a recente chegada de José Bonifácio a trama Novo Mundo, novela reprisada pela Rede Globo na faixa das 18:00 horas, o Patriarca da Independência voltou a se tornar um tema recorrente nas conversas da população brasileira. Saiba tudo sobre o enigmático político brasileiro a seguir.

Raynham Hall e o fantasma da Dama de Marrom

Hoje vamos nos transportar para as terras da rainha Elizabeth II, o Reino Unido, e conhecer a mais famosa história de fantasma do país. Estou falando da Dama de Marrom de Rayham Hall. O fantasma de Dorothy Townshend, que teria sido vítima de violência doméstica por parte de um marido tresloucado de amor.

Felipe II de Espanha: o nascimento do rei mais poderoso da Europa

Era uma tarde chuvosa quando Felipe II de Espanha veio ao mundo no Palácio de Pimentel, em Valladolid, em 21 de maio de 1527. Segundo algumas versões caia das nuvens uma chuva torrencial, segundo outras versões a chuva era amena. De qualquer maneira, naquele dia nascia um dos monarcas mais poderosos da história.

A surpreendente história de Eugenia Martínez Vallejo

Eugenia Martínez Vallejo é literalmente uma das personagens mais fofas da história espanhola. Ela viveu na corte do rei Carlos II, no século 17, e foi uma verdadeira sensação entre os cortesãos. Sua fama se estendeu a tal ponto que até os dias de hoje falamos sobre essa singular personagem.

A verdadeira história da Marquesa de Santos a “vilã” da novela Novo Mundo

Domitila de Castro foi por sete anos amante do imperador d. Pedro I. O caso era do conhecimento de todos e repercutiu nacional e internacional, tornando Domitila uma das principais personagens do Primeiro Reinado, e também uma das mais polêmicas. Porém, sua vida não se resume a esse período…

Ser mulher no Paquistão: uma dura realidade

Ser mulher na Ásia nunca foi fácil, especialmente se você se encontrar no Paquistão e agora, infelizmente, as coisas parecem estar piorando. De acordo com uma reportagem do DW a violência contra as mulheres tem aumentado exponencialmente no Paquistão, um país com mais de 200 milhões de habitantes, dos quais 48 % são mulheres, deContinuar lendo “Ser mulher no Paquistão: uma dura realidade”

“Ela me anuncia o fim dos meus tormentos”: a execução de Maria Stuart

Maria Stuart teve uma vida repleta de dramas, conspirações e assassinatos, uma morte, em especial a marcou profundamente e influenciou no destino final, a de seu segundo marido, Lorde Darnley. Conheça a partir de agora a extraordinária vida de Maria, mulher que viveu uma vida conturbada e encontrou na sua execução precoce a sua paz.

Sati Pratha ou quando as mulheres queimavam com os seus maridos

Normalmente as viúvas despertam sentimentos associados à compaixão. Porém, isso só acontece no Ocidente, na Índia, país localizado no sul da Ásia, essa realidade praticamente é inexiste. Vistas como uma fonte de gastos pelas famílias dos ex-maridos e como símbolos de azar as viúvas são banidas da sociedade pela forçada da tradição, mas acredite aContinuar lendo “Sati Pratha ou quando as mulheres queimavam com os seus maridos”

O perigo de ser mulher no Iraque

O Iraque é uma nação dilacerada por décadas de guerra. Os conflitos tornaram-se mais brutais após a morte de Saddam Hussein em 2006. Como consequência a população se sente menos segura e as mulheres são as maiores vítimas dessa situação. Em algumas regiões elas nem sequer podem trabalhar ou sair de casa, sem usar um niqab,Continuar lendo “O perigo de ser mulher no Iraque”

Maria Stuart, uma rainha de vida conturbada (1542-1589)

Maria Stuart teve uma das existências mais conturbadas da história. Ela tornou-se rainha dos escoceses com apenas 6 dias de idade após a morte de seu pai James V em dezembro de 1542, viu o seu reinado ser sabotado em diversas ocasiões e lidou com homens ambiciosos. Sua família, cujo nome foi anglicizado como StuartContinuar lendo “Maria Stuart, uma rainha de vida conturbada (1542-1589)”

Inês de Castro, a paixão que causou uma guerra

A história de Inês de Castro e d. Pedro I de Portugal evoca a velha tragédia de apaixonados que não podem ficar juntos. É um Romeu e Julieta às avessas, uma vez que a morte de Inês em 1355 não forjou uma paz entre as famílias conflitantes e sim uma guerra entre pai e filho.Continuar lendo “Inês de Castro, a paixão que causou uma guerra”