Mulheres no Afeganistão são vítimas do aumento de violência doméstica devido à quarentena

É de conhecimento público que a violência contra a mulher é endêmica no Afeganistão, um país em guerra há décadas, mas com os serviços de assistência fechados pela quarentena, numa tentativa de evitar a contaminação dos cidadãos pelo coronavírus, a situação tem piorado exponencialmente.